"São Januário, meu caldeirão"

Confesso que de uns tempos pra cá tenho me interessado cada vez mais por futebol, especialmente no que diz respeito ao meu clube do coração.
Tenho acompanhado as noticias, os treinos e visto os jogos sempre que dá.
Não só vendo, mas torcendo, ferozmente!

Quarta-feira teve Vasco(L) e Lanús, um "timeco" da Argentina que não é tão timeco assim.
Primeiro jogo foi 2 a 0 pro Lanús.
Isso porque o Lanús é um timeco, se fosse time de verdade teria feito no minimo 5.
No jogo de quarta não bastava ganhar, tinha que convencer!
Era dificil acreditar nos 3 a 0(que foi o placar da partida), mas uma vitória com o time determinado, pra frente já era suficiente mesmo perdendo a vaga.
E o jogo foi justamente assim, só emoção.
E as vezes no futebol a emoção basta.
É óbvio que eu fico maravilhado com o bonito futebol do Gaucho, do Pato, do Lampard, mas precisa ter emoção, coração, ver que os jogadores realmente estão dando o seu máximo.
Foi mais ou menos isso que ocorreu no jogo de quarta.
Não foi uma partida brilhante, mas o coração tava no bico da chuteira, e pra mim isso é o que importa e fez valer a pena ter ficado acordado para ver o jogo.

Agora é só torcer pra no final de semana o time titular entrar com a mesma garra e engolir o peixe fora de casa! ;)

p.s.1: no jogo de ida, tamanha foi a maldade com a pelota, que eu simplesmente dormi no sofá.
p.s.2: no próximo post: cornetadas sobre esse jogo.

2 comentários:

Rafael Porto disse...

putz, começou mal, hein?!

Vai torcer pra um time de verdade, hein?!
^^

Heliarly disse...

Só não vai ter muita alegria agora, com o Baixinho no comando...!!!